ESG na prática: startups oferecem soluções para promover diversidade nas empresas

Tempo de leitura: 3 minutos

A ascensão da temática ESG, sigla que representa as práticas ambientais, sociais e de governança empresariais, tem acelerado o compromisso das empresas em trazer mais diversidade aos seus quadros de colaboradores. Porém, além de estabelecer planos e compromissos públicos, é preciso tirá-los do papel, e para isso as startups de impacto podem ser grandes aliadas.

O Quintessa, aceleradora de impacto fundada em 2009, possui uma base de mais de 4 mil startups de impacto e identificou mais de 100 que atuam para promover inclusão e diversidade no mercado de trabalho.   

As startups mapeadas trazem soluções com diferentes abordagens, tanto na vertical em que atuam (diversidade racial, de gênero, LGBTQIA+, etária, entre outras), quanto na abordagem de soluções que trazem (recrutamento e seleção, práticas internas, educação e conscientização, consultorias estratégicas, entre outras).

Para o mercado de tecnologia, por exemplo, que tem alta demanda por profissionais desenvolvedores, as empresas podem contar com soluções como a Toti, que forma pessoas refugiadas como programadoras e conecta com vagas de emprego, ou a {Parças}, que tem um modelo semelhante atuando com pessoas egressas do sistema prisional. Há ainda a Specialisterne e a Laboratoria, que ensinam programação para pessoas autistas e mulheres, respectivamente.

Não faltam exemplos de startups: TransEmpregos e Camaleao.co têm foco em empregabilidade de pessoas LGBTQIA+, Maturi e Labora atuam com a temática da inclusão etária, apoiando a contratação de pessoas com mais de 50 anos, e a Comunidade Empodera e EmpregueAfro são voltadas para a inclusão de pessoas negras nas empresas.

No processo de recrutamento e seleção, a Jobecam é um exemplo de tecnologia que transforma a entrevista em uma chamada de vídeo às cegas, diminuindo os vieses e preconceitos do recrutador, e tem aumentado em até 68% a diversidade na contratação.

Além de trazer pessoas diversas para o time, é papel das empresas trabalhar a inclusão e ambientação desses colaboradores, além de educação coletiva sobre a temática de diversidade. Para isso, existem soluções como a Diáspora Black, que oferece palestras, experiências culturais, cursos e dinâmicas sobre os valores afro-brasileiros e a cultura negra, e a Filhos no Currículo, que apoia as empresas na promoção de uma cultura que valorize as famílias e de um ambiente de confiança para profissionais com filhos.

Com o objetivo de apresentar soluções inovadoras de startups de impacto para a promoção da diversidade nas empresas, o Quintessa realiza no dia 29 de julho, às 14 horas, o segundo Pitch Day da Plataforma Negócios pelo Futuro – ESG na Prática. No evento, seis startups apresentarão suas soluções para desafios de diversidade e capacitação, as quais foram selecionadas e serão avaliadas por uma banca formada pela Vedacit e Braskem, apoiadoras da edição.

“A agenda de diversidade tem muito a avançar em todas as organizações, incluindo as grandes empresas. O desafio é complexo e requer conscientização, reflexão, mudanças em políticas internas e também adoção de novas práticas. Neste sentido, as startups de impacto, que já têm soluções prontas para serem implementadas, são um caminho eficaz para as empresas trazerem os seus objetivos para a prática. Com o evento, buscamos ampliar o repertório de executivos(as) no tema e apresentar estas soluções”, diz Anna de Souza Aranha, diretora do Quintessa.

O evento é o segundo de três encontros da Plataforma Negócios pelo Futuro – ESG na Prática, iniciativa do Quintessa que conecta soluções de startups de impacto e grandes empresas, para que, por meio de parcerias e contratação das soluções, impulsionem a adoção de práticas ESG nas suas operações. A iniciativa é realizada em parceria com a Alvarez & Marsal e tem apoio da Vedacit e da Braskem.

O evento é gratuito e aberto ao público.
As inscrições podem ser feitas neste link

Resumo
Evento online
2º Pitch Day Negócios pelo Futuro – Edição ESG na Prática – Tema: Diversidade e capacitação
29 de julho – 14h
Inscrição gratuita
Link

O que você achou desse texto?

Obrigado pelo feedback!

Acompanhe nossas redes sociais.

Como podemos melhorar nossos conteúdos?

Conte-nos o que achou do texto.